Regular a protecção dos cavalos em eventos desportivos em PT

Fórum da modalidade

Moderadores: Filipe Graciosa, Bernardo Cid

Mensagem
Autor
Avatar do Utilizador
Cavalière
Iniciado
Mensagens: 20
Registado: sexta jan 30, 2004 3:23 pm
Localização: Porto (o Nuerte!!!)
Contacto:

Regular a protecção dos cavalos em eventos desportivos em PT

#1 Mensagem por Cavalière » segunda ago 20, 2007 5:06 am

Olá a todos,

Aqui está uma situação COMPLETAMENTE desnecessária:

http://pauladasilva.smugmug.com/gallery ... #184822625

Para continuarmos com as nossas tradições,é preciso regular a protecção dos cavalos (e cavaleiros) neste género de eventos :cry: Não existe na realidade uma associação que "perceba" deste género de coisas, que possa trabalhar em conjunto com as câmaras para proteger os direitos dos cavalos?

É preciso pensar nisto... :roll: As câmaras deviam consultar veterinários, ter veterinários de prevenção para este género de eventos, e principalmente, não permitir este género de situações... É uma vergonha, e uma tristeza que isto aconteça aos cavalos num país com tanta tradição de equitação de trabalho e à portuguesa.



:cry:
Luísa Lima

AnaE
Mestre de Equitação
Mensagens: 1051
Registado: terça jun 08, 2004 8:10 pm

#2 Mensagem por AnaE » segunda ago 20, 2007 1:27 pm

Pegando no título do tópico é dificil considerar isto um evento desportivo, mas sim uma brincadeira sádica visto o touro estar em pontas, e tão pouco me parece que seja o tipo de coisa que tenha solução com a presença de um veterinário.

É do tipo de acidentes que só se resolve com educação.

Lamentável, mesmo.

Miguel Santos
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 179
Registado: sexta jun 09, 2006 3:47 am
Localização: Leça da Palmeira / Porto

#3 Mensagem por Miguel Santos » terça ago 21, 2007 3:15 pm

Caríssim@s,

Revoltante! No mínimo revoltante! Confesso que fiquei arrepiado e chocado ao ver as imagens que a Luísa trouxe até nós. :cry: :cry: :cry:

A organização daquele "evento" devería ser responsabilizada por atentado aos direitos dos animais. Sou a favor das tradições mas dentro de parametros legais e minimamente plausiveis. Estas cenas são tudo menos equitação!

Se nem os toureiros profissionais lidam touros em pontas, porque é que estes piroliteiros (perdoem-me a expressão) vão para a arena armados em cavaleiros?

Pessoas assim não têm dignidade sequer para ostentarem o traje de equitação à Portuguesa, quanto mais a terem cavalo (ou a montarem um)!

Infelizmente na última semana multiplicaram-se os acidentes provocados por estes certames - todos eles motivados por touros em pontas. Parece-me que é solução é simples e envolve, tal e qual como a Luísa referiu, várias entidades.

1. As câmaras só permitirem quaisquer eventos com animais mediante a presença de um Veterinário de prevenção;

2. Os Veterinários só conivirem o desenrolar do evento com as garantias de segurança e sanidade de todos os animais envolvidos (e nestes casos IMPEDIR que os touros sejam "largados" ou lidados em pontas).

Estes 2 pontos são, a meu ver de uma importância inequívoca mas que, pelo se denota passam ao lado de muitas autarquias e organizações de festas. LAMENTÁVEL!

Esta não é a Equitação à Portuguesa! Nem é esta a tradição que nós, lusitanos temos a defender!

(Já agora porque não enviar uma carta aberta à organização daquela Feira? Não podemos ficar parados!)
Mais do que uma realidade mágica, uma Paixão! Viva o Cavalo dos Reis! Viva o nosso LUSITANO!

luis pedro
Mestre de Equitação
Mensagens: 1146
Registado: domingo mar 19, 2006 8:16 am

#4 Mensagem por luis pedro » terça ago 21, 2007 3:24 pm

Olá,

Se procurarem, na net, vão encontrar imagens, bem mais chocantes do que estas, de acidentes nas estradas desta nossa europa. Tal como aquelas que aparecem no link da Cavalière, não são obviamente um qualquer tipo de desporto ou actividade ludica que devia ser regulada, trata-se de ACIDENTES.

luis pedro

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

.

#5 Mensagem por João dee Deus » terça ago 21, 2007 3:35 pm

Exatamente...

Estas coisas não se podem analizar assim de animo leve...

Os homens usam os cavalos para manusearem os touros nos campos porque não o podem fazer a pé...

Sempre foi assim e será...e acidentes destes como duisse o Luis Pedro,acontecem.

Á luz do actual,dir-se-ia que aquele individuo não tem formação profissional para enfrentar um touro em pontas....prque é assim que eles andam no campo.

"Quem não vê não teme"....e assim nascem...vivem...e morrem de velhos muitas pessoas.....felizes da vida...mas com um "relatorio" dela falho de verdade.

saudações Marialvas
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

AnaE
Mestre de Equitação
Mensagens: 1051
Registado: terça jun 08, 2004 8:10 pm

Re: .

#6 Mensagem por AnaE » quarta ago 22, 2007 2:50 am

João dee Deus Escreveu: Os homens usam os cavalos para manusearem os touros nos campos porque não o podem fazer a pé...
primeiro... nas imagens não estamos em presença de uma situação de trabalho mas sim de divertimento/lúdico

segundo... nas touradas a cavalo (actividade lúdica) os touros não estão em pontas.

terceiro... no toureio a pé os touros são lidados em pontas (é claro que se compreende que isso não aconteça num trabalho de uma manada no campo)

... por estas e por outras cada vez mais aprecio o toureio a pé.

MMateus
Ajudante de Monitor de Equitação
Mensagens: 76
Registado: segunda mai 09, 2005 2:38 pm
Localização: Évora

#7 Mensagem por MMateus » quarta ago 22, 2007 3:20 am

Boas

como o João e o Luís Pedro estão de acordo, tenho que discordar.....

Considero um acidente se for no campo, numa demonstração de fanfarrice não sei se é um acidente, se não é pura estupidez... (o mesmo com os acidentes de automóveis).

Será que o tipo de espectáculo é assim tão diferente das touradas?? (em espanha??)

Como diz o meu equitador faz falta inverter a raiz ao quebrado (cavaleiro/cavalo).

A opção é entre correr ou não riscos desnecessários. É evidente que a avaliação do risco está dependente de cada um (se vou fazer um disparate com o meu carro não devo levar ninguém comigo).

O que me parece é que num recinto como aquele que se vê na fotografia as condições de piso, de envolvente (excitação do público, etc) não são as melhores para se pôr em risco a integridade do cavalo, também não vejo vantagem em andar a picar um touro (a agilidade e o maneio tem de passar pelo picar do animal?? não basta o toque??) são perguntas sobre algo (ia dizer espectáculo mas apaguei) que desconheço.

Abraços

MMateus

Sofia e Sabre
Monitor de Equitação
Mensagens: 305
Registado: quarta abr 18, 2007 5:43 am

#8 Mensagem por Sofia e Sabre » quarta ago 22, 2007 4:47 am

Uma vergonha. Isto nao e tradiçao nem e nada. Uma coisa e o trabalho a campo outra e maltratar animais para recreaçao publica.

Travessa
Iniciado
Mensagens: 15
Registado: terça fev 06, 2007 6:44 am
Localização: Aveiras de Baixo

#9 Mensagem por Travessa » quarta ago 22, 2007 8:46 am

Boas,

quanto a mim, não é a organização que tem a culpa, pois esta só está interessada em ter atracções para chamar o público, mas sim as pessoas que levam os seus cavalos para este tipo de brincadeira. Estas pessoas mostram que não têm amor ao animal, e que só estão ali para se mostrar e mais tarde gloriarem-se com os feitos, o pior é quando a coisa corre para o torto. Eu pessoalmente não levava o meu cavalo para este típo de espectáculo, ainda se fosse uma vaquita para a brincadeira. O meu rico cavalo!!!!!!
Alexandre Travessa

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

...

#10 Mensagem por João dee Deus » quarta ago 22, 2007 2:03 pm

:lol: :lol: :lol: :lol: :lol: :lol: GAME OVER.... :lol: :lol: :lol: :lol:

New start,.....e já está.....sem consequencias.....novas possibilidades de chegar ao fim do jogo.......as mesmas que inicialmente.... mesmo depois de ter metido água.....as mesmas possibilidades...intactas......como se ninguem tivesse visto.....como se fosses um virtuoso...

Mas a vida não é isso...até ver...

:lol: :lol: :lol: :lol:

:lol: Saudações marialvas
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

Avatar do Utilizador
Cavalière
Iniciado
Mensagens: 20
Registado: sexta jan 30, 2004 3:23 pm
Localização: Porto (o Nuerte!!!)
Contacto:

#11 Mensagem por Cavalière » quinta ago 23, 2007 6:56 am

Ok, eventos "desportivos", faltaram as aspas... Mas também não sabia como haveria de classificar estes eventos. Em teoria, seria tradição... mas isto não me passa como uma coisa cultural... Por isso... bem, aparentemente este pessoal faz isto por desporto, mas no sentido irónico.

Eu sugeri a CONSULTA de veterinários antes. É claro que para mim qualquer um com dois dedos de testa pensa "ahh e tal os touros em pontas, bem, aquilo pode magoar cavalos e gente"... Mas aparentemente para outras pessoas não é assim tão óbvio. Por isso, falta um organismo para regular estas coisas. E falta NA HORA, quando há eventos com cavalos de qualquer género, haver apoio veterinário, médico, etc...

Fico com pena também que estas imagens estejam a ser divulgadas pela Europa (e pelo mundo), às agências de notícias e associações animalistas. Vamos passar a imagem de povinho cruel e tacanho. Quando o turismo equestre seria algo tão bom para o país.

É preciso proteger os animais desta gente... educar as pessoas... e implementar leis. :cry:

E acidentes de trabalho, não se comparam a isto: isto é por diversão/estupidez natural.
Luísa Lima

redondo623
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 102
Registado: quinta ago 25, 2005 10:27 pm

#12 Mensagem por redondo623 » quinta ago 23, 2007 8:20 am

Boa Tarde,

Tenho acompanhado o que aqui se disse e entendo perfeitamente alguma revolta que vou notando mas o que está escrito no site onde estão as fotos é disparate, as picarias não são o que lá se diz.

No entento tambem se pode dizer que nem palavras eram necessárias porque as imagens chegam, é verdade, para quem gosta de cavalos é sempre chocante ver um a sofrer.

Eu nestas questões sinto-me de forma estranha e acontece-me o mesmo com os toiros, quando vejo uma corrida fico sempre dividido por gostar tanto deles não gosto de os ver sangrar mas gosto muito de os ver com boa atitude.

Quando aqui se disse que não se toureia a cavalo com os touros em pontas, espero que já tenham percebido que isso não é verdade e até em países onde as corridas são um cartaz turístico bem mais vendido que em Portugal.

A picaria não é um desporto, tal como acho que a tourada não é um desporto mas é tão tradicional, uma como a outra, envolvendo a primeira riscos muito maiores para todos os intervenientes.
Cumprimentos,

Rui N S

Miguel Santos
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 179
Registado: sexta jun 09, 2006 3:47 am
Localização: Leça da Palmeira / Porto

#13 Mensagem por Miguel Santos » quinta ago 23, 2007 2:59 pm

Caríssim@s

O facto de considerarmos os eventos desportivos ou lúdicos em nada vai alterar a gravidade dos factos. :(

Se é certo que os acidentes acontecem cumpre-nos evitá-los! Considero imperativa a regulamentação de qualquer tipo de evento recreativo (com animais) em todas as suas vertentes - isto é, se ainda não estão regulamentados.

Recordo-me de na semana passada, ter visto uma reportagem de um evento semelhante a este, em que um Campino admitiu que não estavam reunidas as condições de segurança para os envolvidos nas largadas dos touros - contudo as largadas verificaram-se. :?

Amigo Redondo,
redondo623 Escreveu: Quando aqui se disse que não se toureia a cavalo com os touros em pontas, espero que já tenham percebido que isso não é verdade e até em países onde as corridas são um cartaz turístico bem mais vendido que em Portugal.
Acredito que sim. Não sou um grande aficionado, contudo até hoje, em praças portuguesas, nunca vi nenhum touro ser lidado em pontas por toureiros profissionais. Mas volto a salientar que isso não abona na benevolência dos factos reproduzidos nas imagens. :cry:

Não podemos ignorar o facto de que no campo, a conjuntura na qual os touros são "manuseados" pelos Campinos, (estes sim homens dos touros 365 dias por ano :wink: ), é totalmente diferente. Os touros estão no meio natural deles e não no meio de uma multidão, rodeados de um ambiente totalmente desconhecido e inexperimentado anteriormente.

Sem dúvida que os principais responsáveis por estas lamentáveis cenas, são os "tó-tós" que levam os pobres dos cavalos para o meio de uma arena improvisada, contudo não podemos descurar que estes só o fazem com a permissão/passividade das organizações dos eventos - que muito erradamente pensam que dessa forma vão ter mais público.

Tal como o amigo MMateus, também desconheço os tramites das picarias mas não vejo necessidade de provocar aqueles ferimentos no touro. Independentemente disso, gostava de ver a resposta às perguntas que o MMateus nos deixou. :)
Mais do que uma realidade mágica, uma Paixão! Viva o Cavalo dos Reis! Viva o nosso LUSITANO!

luis pedro
Mestre de Equitação
Mensagens: 1146
Registado: domingo mar 19, 2006 8:16 am

#14 Mensagem por luis pedro » quinta ago 23, 2007 4:57 pm

Olá,

Estas "conversas" voltam sempre que se fala de touros e touradas (largadas, picarias, etc).

Uns dizem que é tradição, os outros que é uma estupidez. O que é certo é que as praças se enchem de gente para ver as corridas (incluo os milhares de estrangeiros, particularmente os anglo-saxonicos, grandes impulsionadores e defensores dos direitos dos animais) não só em Portugal e em Espanha mas também em todos os outros países em que se realizam.

O nosso Povo tem orgulho nas corridas de touros em especial "à Portuguêsa"

Quando algum grupo de jovens urbanos decide manifestar-se contra as corridas (é necessário que esteja garantida a cobertura televisiva) podemos verificar que efectivamente são em numero reduzido mesmo sem comparar com os que se encontram dentro da praça.

luis pedro

MMateus
Ajudante de Monitor de Equitação
Mensagens: 76
Registado: segunda mai 09, 2005 2:38 pm
Localização: Évora

#15 Mensagem por MMateus » sexta ago 24, 2007 1:11 am

Boas

Já não jovem, mas urbano-rural fixado no Alentejo, (é uma brincadeira)..., nunca estive numa manifestação nem anti nem pró tourada. A minha relação com a tourada não é lógica, existem aspectos que me atraem num espectáculo que acredito estar desfasado dos tempos modernos (o que quer que isso queira dizer)...

não queria discutir as questões das touradas, nem das largadas e desconhecia que se faziam picarias (mea culpa).

A minha dúvida é exactamente a mesma quando era pequeno e existiam "circos" taurinos em que existia um grupo que fazia disparates com umas vacas bravas, toda a gente se ria mas via-se que ficavam farpas espetadas nos sítios mais diversos. O mesmo com as touradas de Barrancos (nada tenho contra os touros de morte, a tourada é um espectáculo de vida e de morte) mas ver toureiros de série f a tourear sem as mínimas condições, com um saber mínimo parece-me no mínimo discutível.... apenas por que é tradição

Acabei a ilustrar com touradas, espero que não seja puxada muito a discussão para esse lado...

Nas largadas a opção do corredor é sua, bem como o seu estado de preparação, no caso em questão é o risco que estamos dispostos a colocar o outro, nada mais...

Abraços

MMateus

Responder

Voltar para “Toureio”