Criação de uma Secção Cultural da Tauromaquia em Portugal

Fórum da modalidade

Moderadores: Filipe Graciosa, Bernardo Cid

Responder
Mensagem
Autor
Avatar do Utilizador
Filipe Graciosa
Site Administrator
Mensagens: 1255
Registado: quarta out 29, 2003 8:27 pm
Localização: Lisboa, Portugal

Criação de uma Secção Cultural da Tauromaquia em Portugal

#1 Mensagem por Filipe Graciosa » terça fev 16, 2010 7:23 pm

Petição a favor da criação de uma Secção Cultural da Tauromaquia em Portugal

Caros Forenses,

A Ministra da Cultura tenciona criar a Secção Tauromáquica no Conselho Nacional de Cultura para dar à Tauromaquia a importância que ela tem no panorama Nacional. Não é uma questão de somenos !!
5 Associações anti-taurinas estão a enviar mails de protesto.
Agora, eles, já NÃO estão sozinhos. Chegamos NÓS e por isso vamos pela 1.ª vez, TODOS JUNTOS e EM FORÇA, responder a mais este ataque à nossa festa. O seu mail de APOIO é fundamental. Se não o fosse, não lhe pediríamos 1 minuto do precioso tempo.
É pois chegada a hora de AGIR, porque AGIR é a ATITUDE a ter !!

Envie o seguinte email proposto. Passe aos seus contactos. Leva apenas 1 minuto a fazer cópia e enviar. Esta acção é MUITO MAIS IMPORTANTE do que possa pensar !!

Sff participem nesta Petição tanto pela inscrição no site da petição,

http://www.peticaopublica.com/?pi=P2010N1255

como pelo reenvio do seguinte email:
To: pm@pm.gov.pt; gab.mp@mp.gov.pt; gmc@mc.gov.pt
Cc: gp@ps.parlamento.pt; gp_ps@ps.parlamento.pt; gp_psd@psd.parlamento.pt; gp_pp@pp.parlamento.pt; bloco.esquerda@be.parlamento.pt; gp_pcp@pcp.parlamento.pt; pev.correio@pev.parlamento.pt; matp@netcabo.pt
Subject: SIM, APOIO Incondicionalmente a criação da Secção Tauromáquica no futuro CNC

Exm.º Senhor Primeiro Ministro
Exm.º Senhor Ministro da Presidência do Conselho de Ministros
Exm.ª Senhora Ministra da Cultura
Exm.º Senhor Presidente do Grupo Parlamentar do PS
Exm.º Senhor Presidente do Grupo Parlamentar do PSD
Exm.º Senhor Presidente do Grupo Parlamentar do CDS-PP
Exm.º Senhor Presidente do Grupo Parlamentar do BE
Exm.º Senhor Presidente do Grupo Parlamentar do PCP
Exm.º Senhor Presidente do Grupo Parlamentar do PEV


Excelências,

Tenho conhecimento que o Ministério da Cultura pretende criar uma Secção de Tauromaquia no futuro Conselho Nacional de Cultura. Venho por este meio manifestar e APOIAR INCONDICIONALMENTE a iniciativa que em boa hora o Estado Português entendeu desenvolver.

A Tauromaquia é desde sempre reconhecida como uma ARTE, e como toda e qualquer outra forma de Arte que se produz no Mundo, não colhe a unanimidade de todos. É dever do Estado Português proteger e promover e o seu património CULTURAL (com está descrito na Constituição Portuguesa) e ARTISTICO, sobretudo quando o mesmo é admirado por centenas de milhares de espectadores que ocorrem anualmente aos eventos taurinos espalhados um pouco por todo o país. Ao pagarem o seu bilhete, estes portugueses estão a contribuir, também, com avultadas receitas para os cofres do Estado.

Simultaneamente, a Tauromaquia atingiu hoje uma grandeza que ultrapassa a própria importância da sua componente Artística. É ao mesmo tempo uma actividade de relevante importância ECONÓMICA, que em muitas zonas oferece uma das poucas alternativas de desenvolvimento e de subsistência às populações locais. Contribui ECOLOGICAMENTE para a preservação de uma espécie - o Toiro bravo - que muito provavelmente já estaria extinta sem a existência da mesma e para a sustentabilidade dos milhares de hectares de “Montado” necessários à sua criação. Está também de forma inequívoca, profunda e fortemente enraizada no imaginário COLECTIVO e SOCIAL Português.

Sei que a MAIORIA silenciosa do povo português pensa como eu pois, quando há transmissão de corridas via canal aberto (RTP, TVI ou SIC) os shares e rates que servem como barómetro para as televisões falam por si. Os portugueses decidem acompanhar as corridas de toiros via televisão, logo é um espectáculo que reúne o maior consenso entre a população portuguesa.

Sei também que os fundamentalistas que defendem ideias importadas de outras culturas, se manifestam na totalidade da sua verdadeira expressão numérica, a de uns poucos milhares de fieis. Por isso e em nome dessa Maioria silenciosa, decidi AGIR e felicitar o Estado Português por tão oportuna e justa medida..

Apresento a V. Ex.ª os meus melhores cumprimentos,
Terminem o email com o vosso nome.

Cumprimentos
Filipe Graciosa Jr

Avatar do Utilizador
Filipe Graciosa
Site Administrator
Mensagens: 1255
Registado: quarta out 29, 2003 8:27 pm
Localização: Lisboa, Portugal

Re: Criação de uma Secção Cultural da Tauromaquia em Portugal

#2 Mensagem por Filipe Graciosa » terça fev 23, 2010 2:26 pm

Caros Forenses,

VITÓRIA - Criada a Secção de Tauromaquia no Conselho Nacional de Cultura !!

Já era conhecido do grande público que havia a vontade de se criar dentro do Conselho Nacional da Cultura, uma secção especializada de Tauromaquia.

Assim, "reconhecendo a tradição da tauromaquia em Portugal...", foi ontem publicado em Diário da Répública o Despacho n.º 3254/2010, que criou a "Secção de Tauromaquia como secção especializada permanente, no âmbito do Conselho Nacional de Cultura".

Foi desta forma que o Estado, veio legislar e reconhecer a tauromaquia, como sempre o afirmou, como interesse cultural relevante.

Era sabido que grupos anti-taurinos, de uma forma pouco democrática, como é habitual e usual, tentaram inviabilizar a criação desta secção de Tauromaquia. Aliás, estes grupos de extremistas-radicais não conseguem certamente entender qual o conceito de democracia e, uma vez mais, o Estado veio provar e ensinar o que é a democracia e a liberdade.

A Democracia e a Festa Brava estão de parabéns.

Para ler o Despacho que foi hoje publicado em Diário da República, clique em:
http://dre.pt/pdf2sdip/2010/02/036000000/0773107731.pdf

Cumprimentos
Filipe Graciosa Jr

Avatar do Utilizador
Filipe Graciosa
Site Administrator
Mensagens: 1255
Registado: quarta out 29, 2003 8:27 pm
Localização: Lisboa, Portugal

Re: Criação de uma Secção Cultural da Tauromaquia em Portugal

#3 Mensagem por Filipe Graciosa » quinta fev 25, 2010 2:26 pm

Caros Forenses,

ACREDITE. Este mail é AINDA MAIS importante do que os anteriores !!
Temos de nos mobilizar, TODOS, para defender neste momento quem praticou um acto governativo de elementar justiça, que não duvidem e por incrível que pareça, é politicamente corajoso !!
Passe esta mensagem aos seus contactos e não viremos a cara à luta.
AGIR é a ATITUDE a ter !!
AGIR é a única maneira de defender o DIREITO de continuar a ser você quem faz as SUAS escolhas.
Obrigado.
To:pm@pm.gov.pt; gab.mp@mp.gov.pt;gmc@mc.gov.pt
Cc:gp@ps.parlamento.pt; gp_ps@ps.parlamento.pt;gp_psd@psd.parlamento.pt; gp_pp@pp.parlamento.pt; bloco.esquerda@be.parlamento.pt; gp_pcp@pcp.parlamento.pt;pev.correio@pev.parlamento.pt; agir.atitude@gmail.com
Subject:SAÚDO VIVAMENTE a criação da Secção Tauromáquica no âmbito do C.N.C.

Exm.º Senhor Primeiro Ministro
Exm.º Senhor Ministro da Presidência do Conselho de Ministros
Exm.ª Senhora Ministra da Cultura

Com Conhecimento a:

Exm.º Senhor Presidente do Grupo Parlamentar do PS
Exm.º Senhor Presidente do Grupo Parlamentar do PSD
Exm.º Senhor Presidente do Grupo Parlamentar do CDS-PP
Exm.º Senhor Presidente do Grupo Parlamentar do BE
Exm.º Senhor Presidente do Grupo Parlamentar do PCP
Exm.º Senhor Presidente do Grupo Parlamentar do PEV


Excelências,

Em nome de muitos e muitos portugueses venho por este meio enaltecer a justa, oportuna e corajosa decisão de Sua Excelência a Ministra da Cultura, Maria Gabriela Canavilhas, de institucionalizar a Secção de Tauromaquia, no âmbito do Conselho Nacional de Cultura.
Trata-se de uma medida de largo alcance no sentido da defesa e valorização de uma das mais antigas tradições portuguesas.
A Tauromaquia nas suas múltiplas expressões culturais, é antes de mais e desde há séculos, reconhecida como uma forma de Arte, que apaixonou e continua a apaixonar vários dos maiores vultos da história da literatura, pintura, escultura, musica, filosofia e politica. Está também profunda e largamente enraizada na cultura popular deste país, fazendo parte integrante da identidade e imaginário da grande maior parte dos portugueses.
Paralela e anualmente, gera avultadas receitas aos cofres do Estado em contribuições e impostos como sejam IRS, IRC, IVA, IMI e outros. Apenas e a título de exemplo, só em 2009 e exclusivamente em Corridas de Toiros, foram vendidos mais de 757.000 bilhetes a espectadores portugueses e turistas.
Contribui também para muitas das acções sociais em favor dos mais desprotegidos, via verbas geradas pelo arrendamento das Praças em favor das Misericórdias ou através da sua comprovada e ancestral cultura solidária, a favor de boas causas e auxílios a calamidades da mais variada ordem.
É adicionalmente garante de subsistência de milhares de pessoas em muitas das áreas de menores recursos económicos do nosso território e ecologicamente decisiva na preservação de espécies que correriam o risco de extinção, casos do Toiro Bravo e do Cabresto. Contribui ainda e decisivamente para a protecção efectiva de vastíssimas áreas de Montado português, e por inerência, a toda a cadeia ecológica que lhe é intrínseca.
No momento em que o insignificante mas bem estruturado lobby anti-taurino inicia mais uma campanha de contestação a esta importante medida, desejo expressar em meu nome e de muitos e muitos outros portugueses, a Sua Excelência, a Senhora Ministra da Cultura, todo o nosso apoio e agradecimento sincero.
Agradecendo a atenção dedicada à presente mensagem, apresento a V. Ex.ª os meus melhores cumprimentos,

( Ponha aqui o seu nome )
( Opcional – n.º de B.I: )
( Opcional - Cidade )
Cumprimentos
Filipe Graciosa Jr

Responder

Voltar para “Toureio”