Problema com éguas Lusitanas

Fórum da raça

Moderador: Filipe Graciosa

Responder
Mensagem
Autor
Pistola
Espectador
Mensagens: 7
Registado: quinta fev 26, 2004 11:24 pm
Localização: Almeirim

Problema com éguas Lusitanas

#1 Mensagem por Pistola » quinta jul 15, 2010 10:59 am

Caros Srs. utilizadores do Fórum Cavalonet.

Venho por este meio apresentar-vos uma situação à qual peço encarecidamente que me ajudem a encontrar uma solução e igualmente possa servir de exemplo a outros que se encontrem numa igual "baralhada".

Em 2003 adquiri uma poldra PSL (Suzi - CPS) a qual comprei em casa de um sr. Nelson que anteriormente a comprou a um negociante de cavalos que a tinha adquirido directamente no criador. Na altura este negociante possuía duas poldras do mesmo ano (S) filhas do mesmo cavalo, em tudo idênticas.

Este Sr. Nelson comprou-lhe esta minha égua e tratou de mudar o registo de propriedade para seu nome, como deve ser feito!

Como referi em 2003, eu comprei a égua ao Sr. Nelson e tratei novamente os papeis para meu nome. A égua teve em minhas mãos uma vida Desportiva, a qual terminou em 2009 para iniciar a vida como reprodutora. Foi pontuada em minha casa pela APSL.
Fui com a mesma a Alter do Chão para ser coberta pela Viheste, resultando dai uma poldra.

Quando a poldra atingiu os 6 meses, foi enviado o sangue da mesma para a Fundação de Alter para controlo de filiação e qual é o meu espanto que a mesma vem incompatível com a presumível mãe. Foi-me de imediato afirmado que a culpa era minha que tinha tirado o sangue de outra "poldra" ou referido o nome de outra "mãe", ao qual declinei de imediato devido ao facto de ter somente uma égua PSL.

No meio desta situação toda, a srª da Fundação de Alter recordou-se de já existir um problema de identidades desta minha égua SUZI, com uma irmã SAPA, com umas trocas de documentos, etc. Situação esta que igualmente a APSL referiu ter conhecimento de já alguns anos.
Voltei a enviar sangue da poldra e a fundação de Alter realmente confirmou que a égua que tenho em casa tem os documentos trocados com a irmã.

Ou seja eu sempre tive a vida toda a égua que pensava ser a Suzi e na realidade chama-se SAPA.

Neste momento preciso de registar a poldra e a futura cria que está para nascer no inicio de 2011.

Reportando esta situação à APSL, por mais cordial que a Srª Aida tenha sido, cansa-me ter de estar sistemáticamente a explicar a situação pois já pouco se recordam da mesma. Foi-me pedido pela APSL que encontre o paradeiro da outra égua para se fazer a troca de documentos.
Descobriu a APSL que esta outra égua se encontra em França, a qual foi vendida por um Sr. Paulo Ferreira a uma Srª Francesa que a quer para passear.

Eu só peço que me registem os produtos da égua. Mas não sei o que fazer mais. Sinto um bocado de pouca vontade da APSL em ajudar a resolver a situação, a qual não entendo porque, pois iriam beneficiar dos € de registar os produtos.

Ajudem-me por favor...

bebediabolico
Sela 01
Mensagens: 36
Registado: quarta mar 24, 2010 3:35 pm

Re: Problema com éguas Lusitanas

#2 Mensagem por bebediabolico » quinta jul 15, 2010 12:18 pm

Bom dia Sr. Pistola.

Segundo o que percebi o problema não é de tão fácil resolução como indica, pois não basta ir a França e tirar o sangue à outra égua.

Consultei o Stud-Book da raça lusitana e constatei que essa égua que se encontra em França não está pontuada e assim sendo, para além de tirar uma amostra sanguínea teria de ser sujeita à pontuação como reprodutora, com todos os custos inerentes.

Deixo-lhe esta sugestão: Visto o problema estar detectado entre a SAPA e a SUZI, porque o médico Veterinário responsável pelo registo inicial das poldras e que enviou o sangue para Alter, não lhe passa uma declaração em que evidencia o engano?

Talvez assim possa ficar resolvido não? Ou também vão duvidar da idoneidade do Veterinário?

cps.

Pistola
Espectador
Mensagens: 7
Registado: quinta fev 26, 2004 11:24 pm
Localização: Almeirim

Re: Problema com éguas Lusitanas

#3 Mensagem por Pistola » quinta jul 15, 2010 12:35 pm

Bom dia, e obrigado pelo tempo perdido com o meu problema.

A minha égua já está pontuada, no entanto como os documentos estão enganados não posso registar os produtos.

A APSL o que pretende é que eu encontre a outra a égua, para que com o consentimento da actual proprietária da égua se façam as trocas de documentos. No entanto esta situação está bloqueada por um sr. Português que reside em França e que a vendeu à actual proprietária. Já entrei em contacto pessoalmente com esse senhor, o qual me diz que não sabe do paradeiro da égua nem da dona.

Eu não sei quem foi o veterinário que enviou o sangue das éguas na altura. Quando comprei a minha égua já vinha com registo (trocado).

A Fundação de Alter já confirmou que esta minha égua, tem os documentos trocados mas a APSL exige-me a permissão da actual proprietária da outra Égua para trocarem os documentos e a pontuação.

Pistola
Espectador
Mensagens: 7
Registado: quinta fev 26, 2004 11:24 pm
Localização: Almeirim

Re: Problema com éguas Lusitanas

#4 Mensagem por Pistola » sexta jul 16, 2010 2:06 pm

Venho por este meio informar que fui contactado pessoalmente pelo Sr. João Ralão, o qual foi bastante sincero e directo na forma como abordou o assunto.
Reconheço que pude ter sido mal interpretado nas minhas palavras na primeira mensagem que aqui redigi, no entanto não foi mais que o reflexo da minha desilusão e tristeza que toda esta situação me vem confrontando.

Peço desde já as minhas sinceras desculpas se por algum modo, coloquei em causa a APSL.

A situação continua no entanto por resolver, mas através das palavras esclarecedoras e preocupadas do Sr. Supracitado, sinto outro conforto em resolver o assunto.

Cumprimentos
Miguel Pistola

bebediabolico
Sela 01
Mensagens: 36
Registado: quarta mar 24, 2010 3:35 pm

Re: Problema com éguas Lusitanas

#5 Mensagem por bebediabolico » sexta jul 16, 2010 3:05 pm

Boa tarde.

Sr. Pistola, fez bem em colocar o seu problema no Fórum Cavalonet. Do que li, não me parece que tenha sido mal educado com ninguém. Limitou-se a partilhar um problema para o qual não vislumbrava resposta.

O que acontece com a LSPA é que já demonstrou em variadas ocasiões ter um enorme problema em lidar com os problemas que vem a público e quer a todo o custo evitá-lo.
Acontece sempre com aqueles cuja acção não é transparente e mais uma vez revela a enorme falta de capacidade e profissionalismo daquela instituição!

Concerteza que o Sr. Supracitado descarregou a ira e desconforto em que está mergulhado, em si.
Mas isso, já é problema dele!

Oxalá ele resolva mesmo o seu problema como lhe garantiu!

Mas já que estamos numa de sinceridade, digo-lhe sinceramente: DUVIDO!
Para isso era necessário pertencer ao clube da amizade, e se tem este problema à tanto tempo sem que prontamente o tenham resolvido, não deve fazer parte dessa elite...

Cps.

Pistola
Espectador
Mensagens: 7
Registado: quinta fev 26, 2004 11:24 pm
Localização: Almeirim

Re: Problema com éguas Lusitanas

#6 Mensagem por Pistola » sexta jul 16, 2010 7:01 pm

Boa tarde caríssimo,

Felizmente não entro em elites de nenhuma das partes, sou uma pessoa que prima pela honestidade e faço a minha vida profissional num ramo nada compatível com os cavalos.

Tenho por paixão esta égua lusitana, que comprei e com quem fiz competi alguns anos e por motivos profissionais decidi colocar a reproduzir, por paixão não por negócio ou necessidade. Levei a égua a Alter do Chão ao Viheste, donde tenho em casa uma poldra que me posso orgulhar. Estou agora nesta "alhada" pois está-me a ser impossível registar o animal que demonstra qualidades em cada vez que respira. Posso adiantar que a mesma com 1 ano (letra E) já é maior que poldras de 2 e com complexão física que nunca tinha visto em poldro PSL algum desta idade.

Tenho todo o gosto em mostrar a mesma, basta quererem visitar as minhas humildes instalações.

Cumprimentos...
Miguel Pistola

G.H.O.S.T.
Sela 01
Mensagens: 38
Registado: segunda mar 08, 2010 8:24 pm

Re: Problema com éguas Lusitanas

#7 Mensagem por G.H.O.S.T. » sexta jul 16, 2010 8:05 pm

Olá, cara SR Pistola,
Já que não foi correcto o livro este deveria de ter efeito nulo e você pedir o novo livro da sua Sapa. O que tem da Suzi a si nada serve. Há tantos animais numa situação próxima da sua e que não complicam. Que mal o sr lhes fez?? Se até já houve animais a serem registados como se irmãos plenos se tratassem.
Sabia que pode tirar sangue à Sapa e pedir controlo de paternidade e regista-la como filha do Ibul e Gaivota?? O ADN vai confirmar a origem só não vai dizer a idade. É que se a inscrever como sendo uma letra T ou outra entre L, Q, R, S já dava. A gaivota só teve 4 filhos. Luxo, Quiqui, Rita e Sapa. Entre L Q R e S pode ter parido uma irmã plena da sua. E até o sangue confirma que é filha da Gaibota com Ibul. Que coincidência tão feliz, não é??

PSL
Ajudante de Monitor de Equitação
Mensagens: 75
Registado: segunda abr 07, 2008 5:23 pm

Re: Problema com éguas Lusitanas

#8 Mensagem por PSL » segunda jul 19, 2010 4:41 pm

Caro Sr. Pistola,

Todos somos pessoas de bem até surgirem problemas, aí, há os que assobiam para o lado e embarcam em desculpas sem qualquer efeito prático, e outros que enfrentam os problemas de frente, assumindo os enganos que houver para assumir e resolvendo os problemas de quem não constituiu a sua fonte. Afinal só Deus é perfeito!

Parece-me que o seu problema é um nítido problema de Direito administrativo, de fácil resolução. Aconselho-o a apenas perder tempo a arranjar um bom advogado, e deixá-lo fazer aquilo que se impõe. Isto é, localizar a fonte do problema e efectuar os pedidos de esclarecimento por cartas registadas com aviso de recepção, aguardar as respostas, ou a ausência destas, e aí efectuar a participação às autoridades.

Toda a matéria que expôs está regulamentada, é apenas uma questão de apurar responsáveis, e accionar os mecanismos legais para ver atendida a resolução do seu problema. Há que apurar responsabilidades, e tomar medidas.

A atitude é bastante profissional e totalmente despida de qualquer conotação diversa que lhe queiram atribuir. O Sr. efectivamente tem um problema, que é seu, e que apenas parte de si a sua resolução.

Evite o telefone, é o pior instrumento para a resolução desta situação. Cinja-se aos procedimentos legais, e se assim o entender, vá relatando neste fórum o andamento do seu processo. A exposição pública faz milagres.

No caso de já ter o seu problema resolvido, ignore esta mensagem, e parabéns!

Os meus cumprimentos,
PSL

michael_holandés
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 132
Registado: quinta fev 12, 2004 3:43 pm
Localização: texas, USA

Re: Problema com éguas Lusitanas

#9 Mensagem por michael_holandés » segunda jul 19, 2010 6:21 pm

É uma pena. No século 21 o meu amado Portugal consegue ainda afastar se mais do resto do mundo com a burocracia e a política das amizades. Se a APSL não se torna numa associação seria a futuro da raça Lusitana será nas mãos do Brasil o que seria uma pena. A APSL não pode continuar actuar com a mentalidade cigana que tem neste momento.

Pistola
Espectador
Mensagens: 7
Registado: quinta fev 26, 2004 11:24 pm
Localização: Almeirim

Re: Problema com éguas Lusitanas

#10 Mensagem por Pistola » quinta ago 11, 2011 5:35 pm

Caros membros do Fórum Cavalonet,

Venho desta forma e infelizmente só agora porque estive ausente do país, deixar transparente a excelente forma de actuação da APSL que abordando o meu problema de forma exemplar conseguiu resolver efectivamente a troca de identidades das éguas.

Na pessoa da D.ª Aida que labora nesta associação o assunto foi tratado com distinção.

Sem mais me despeço... os meus melhores cumprimentos

Miguel Pistola

Responder

Voltar para “Puro Sangue Lusitano”