Ajuda Urgente Cavalo necessita de um lar

Esta secção é para todos os temas que não estejam incluidos nas outras secções

Moderador: Filipe Graciosa

Responder
Mensagem
Autor
Avatar do Utilizador
karindabyte
Sela 01
Mensagens: 49
Registado: sexta jan 23, 2004 5:36 pm
Localização: Leiria

Ajuda Urgente Cavalo necessita de um lar

#1 Mensagem por karindabyte » sexta ago 24, 2007 12:26 am

Tenho um cavalo a penso, que neste momento sofre de artrose, e tem cataratas nos 2 olhos.

Consegui convencer o proprietário a chamar um veternário mas o diagnóstico não foi agradável.
Segundo ele, o melhor seria o abate, pois as catarátas têm tendencia para piorar. :( já sem falar nas artroses....

Para mim, a melhor solução seria deixa-lo no campo juntamente com outros cavalos, o problema, é que eu não tenho terrenos, e caso eu fique com ele, teria de continuar a ficar em BOX, e só sairia entre 1 a 2 horas por dia!

O que peço, é um lar em que possa deixa-lo andar livremente e feliz (dentro do possível) pois eu certamente convenço o dono a dá-lo e ficarei muito grato, pois o assunto ABATE não é para mim aceitável.

O cavalo em questão é de cor russo, e é capado.

Por favor, ajudem......

Obrigado

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

.

#2 Mensagem por João dee Deus » sexta ago 24, 2007 4:18 am

Pois é....a vida passa por essas decisões....e, estar a"pedir boleia",passar o problema para outros,ou mesmo meter a cabeça debaixo da asa,não é encarar as coisas de frente à Marialva....

É nessas alturas que temos de pensar, e com essas esperiencias tornamo-nos mais compreensivos para com os nossos semelhantes mesmo nos seus usos e costumes.

Há certos comentarios aqui no forum acerca de coisas que são violentas,que demonstram que essas pessoas nuca tiveram de tomar decisões dessas ou conviver com as tais manifestações violentas.

Quando criticamos outros,temos,na medida do possivel,"encarnar" a situação.

Como viste mas vou salientar,não estou a falar para ti Karindabyte....é na generalidade.

O que eu recomendo para fazer ao Cavalo,é primeiro um sedativo (que funciona mais para o dono) para o deixar dormente,e depois um fatal já em sitio preparado para o remover e com tudo tratado com antecedencia para o enterrar para que seja uma operação rápida.

Saudações Marialvas
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

AnaE
Mestre de Equitação
Mensagens: 1051
Registado: terça jun 08, 2004 8:10 pm

#3 Mensagem por AnaE » sexta ago 24, 2007 12:55 pm

Compreendo a boa intenção, mas também sou a favor que é preferível mandar abater com dignidade o cavalo do que "abandoná-lo" a campo em sofrimento uma vez que as condições de saúde se irão degradar.

Nunca tive que lidar com uma situação dessas pessoalmente mas em caso de sofrimento irreversível não tería dúvidas em proporcionar uma partida digna, confortável e acompanhada ao meu amigo de cavalgadas!

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

.

#4 Mensagem por João dee Deus » sexta ago 24, 2007 2:05 pm

Não é "mandar abater".....é estar lá....faz toda a diferença....

Tem de se passar por dentro da vida.....para nos fortalecermos.

saudações Marialvas
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

Avatar do Utilizador
PSantos
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 117
Registado: sexta nov 19, 2004 8:52 pm
Localização: S. João da Madeira

#5 Mensagem por PSantos » sexta ago 24, 2007 2:36 pm

Concordo com o João e com a Ana,
As artroses por si so já devem doer, as cataratas penso ser mais uma dor psicológica pois ele sente-se mais desprotegido por não conseguir ver o que o rodeia. Entendo a tua situação, mas penso ser a melhor decisão a tomar.
Não sei se ajuda mas vou contar uma história, não é sobre cavalos mas sobre uma cadela, de seu nome Kika, uma Rottweiler que teve um problema intestinal. Os donos tinham um amor incondicional por ela, chegaram a ir a Espanha opera-la para ela ficar melhor, mas antes já tinham percorrido vários veterinários à procura de algum que a cura-se. Até que chegou o momento em que a kika olhou o Hugo (dono) com um olhar a pedir para acabar com o sofrimento dela. Ele percebeu que tinha chegado a altura de parar de lutar e tomar a decisão mais complicada da vida dele. Teve de adormecer a sua menina.
Esta história serve também para prestar uma homenagem a Kika, cadela que me fez apaixonar por uma raça linda, e pelos alegres momentos passados.

Espero que tenha ajudado,

cumprimentos
Pedro Santos

Avatar do Utilizador
karindabyte
Sela 01
Mensagens: 49
Registado: sexta jan 23, 2004 5:36 pm
Localização: Leiria

#6 Mensagem por karindabyte » sábado ago 25, 2007 2:19 am

Bom dia,

As artroses podem estar "activas" durante um determinado tempo, e depois podem parar de causar dor durante outro tempo?
A dor também pode ser "suavizada "com um anti-inflamatório?!
A questão é, como posso deixar o dono fazer isso, ficando com dúvidas sobre a capacidade dele viver uns bons anos tendo somente algum acompanhamento?
Já tomei um decisão, não quero de maneira nenhuma passar o problema para ninguem, apenas achei que seria a melhor solução para ele, mas vou pedir o cavalo para mim, e tentar ajuda-lo, acho que o abate não é a solução mais correcta, apenas se torna mais prática para os donos pois assim acabariamos por eliminar um problema. Problema esse que nos irá criar mais trabalho, mais despesa, e não obtemos nada em troca, apenas o prazer da sua companhia o que para mim é o suficiente.
Todos este sintomas, são indicadores da idade, e não acho que o abate seja a atitude mais correcta, alias, nós também poderemos um dia ter estes problemas, ou alguem na nossa familia, mas certamente não iremos tentar resolver da mesma forma, certo?
Ele brinca, come, corre (não muito bem, mas corre) acho que é feliz...
Também admito que neste caso concreto, o coração fale um bocadinho, pois o facto de ele não ser meu, fui eu, sou eu ,que lido diáriamente com ele, o dono apenas o montava ao fim de semana.
Na minha opinião, o abate apenas se justifica, num caso como o do nosso amigo PSantos relata, ....mas mesmo assim ele tentou...

Avatar do Utilizador
martassreis
Ajudante de Monitor de Equitação
Mensagens: 90
Registado: quinta ago 17, 2006 4:43 pm
Localização: Porto

#7 Mensagem por martassreis » sábado ago 25, 2007 3:06 am

Olá karindabyte,

Se fosse meu tb preferia mante-lo do que abater. Acho que eles não devem ser tratados como máquinas.

Em Coruche, existe uma quinta que aceita cavalos no pasto a um preço quase simbólico. O proprietario tem que pagar as despesas veterinarias e as desparasitações, penso que poderia ser uma boa hipotese. Os campos são grandes e com abrigos (embora eu não conheça pessoalmente o local).
Os contactos estão num anuncio da equisport e são: as5557630@sapo.pt ou tel. 918 619 751

Espero ter ajudado

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

-

#8 Mensagem por João dee Deus » sábado ago 25, 2007 4:52 am

Vamos lá a ver....esse problema está directamente relacionado com a vertente economica.....de outro modo,se tiveres muito dinheiro contrata uma baby syter 24/24 horas,e não precisas de pedir opiniões.

O coração só entra até a bolsa deixar...venha lá quem vier....

O ser humano é pulha por defenição.....alguns andam é disfarçados ou encobertos por uma vida protegida de provações....

saudações Marialvas
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

Avatar do Utilizador
karindabyte
Sela 01
Mensagens: 49
Registado: sexta jan 23, 2004 5:36 pm
Localização: Leiria

#9 Mensagem por karindabyte » sábado ago 25, 2007 5:47 am

Boa tarde,
Vamos lá a ver....esse problema está directamente relacionado com a vertente economica.....de outro modo,se tiveres muito dinheiro contrata uma baby syter 24/24 horas,e não precisas de pedir opiniões.
Sr. João, aqui não se trata da despesa do animal, mas sim o bem estar dele. Eu acho que ele iria ficar melhor no campo, mas isso sou eu a dizer, um leigo na materia, que apenas gosta e muito destes nossos amiginhos!
Claro que posso estar completamente errado, e pensar que estou a fazer bem quando na realidade estou é a causar ainda mais sofrimento. Mas é por isso que recorri ao forum, porque sei que aqui encontro diversos pontos de vista, e principlamente apreendo muita coisa com os users por ex. com o Sr. João.
Diga-me se estivesse na minha situação, não olhando a vertente ecónomica, o que seria melhor para o cavalo? O que faria?

Um abraço

AnaE
Mestre de Equitação
Mensagens: 1051
Registado: terça jun 08, 2004 8:10 pm

#10 Mensagem por AnaE » sábado ago 25, 2007 5:58 am

Realmente tudo depende do estado de saúde do animal. A determinado momento nem com toda a ciência ou meios financeiros se pode diminuir o sofrimento... neste assunto a minha opinião é igual seja para humanos ou animais.

O que me parece uma grande injustiça mesmo é despejar-se os animais num campo qualquer, geralmente longe de casa e das pessoas que sempre lidaram com eles sem qualquer cuidado... como se fosse um campo de esquecidos!

Os cavalos não são só afectados pelas dores físicas mas também na componente emocional Quantas histórias não há de cavalos que ficam deprimidos quando deixam de ser usados em competição ou sofrem mudanças drásticas de comportamento.

Estando eles dependentes de quem os guarde, uma vez que não estão livres na natureza... acho que proporcionar uma partida confortável é um dos maiores sinais de respeito e gratidão que podemos ter com eles.

...

Se te achas capaz de proporcionar a esse cavalo mais uns anos de vida feliz! Vai em frente! Mas não o faças por egoísmo mas sim por sentires que ele está bem!

felicidades

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

.

#11 Mensagem por João dee Deus » sábado ago 25, 2007 6:47 am

Já aqui falámos do sofrimento dos animais....

O sofrimento,a capacidade de a suportar, e a dor nem si,são coisas que ainda não se podem medir...felizmente.

Desde o ultramar que eu tenho pensado muito e de certo modo feito experiencias sobre este tema.

Ultimamente quando fiquei sem metade do polegar,tentei testar-me no hospital e pedi para não me darem anestesia na intervenção cirurgica.
Aguentei sempre bem e só por momentos tive "fugas reflexas" do dedo o que dificultava a intervenção e por isso tive de ser anestesiado.

Ainda há pouco tempo no Alentejo,se arrancavam dentes sem anestesia,...o que em africa era normal....e os seres humanos são os mesmos daí a subjectividade da dor ou capacidade de a suportar.

Isto da dor é complicado de qualificar no sentido de medir ou comparar.

Serve isto para dizer que o que o Vet pode detectar como arterose e se verifica na dificuldade nos andamentos do Cavalo,pode mesmo ser perfeitamente suportavel por ele.

Não é possivel dizer que a dor, para um animal que não sabe o que é a morte, seja mais do que uma mais contingencia das que teve durante toda a sua vida e reagirá como tal suportando-a naturalmente.

Não estou a contradizer-me em elação á eutanasia que sugeri como possivel solução,mas sim a levantar questões que podem complementar a nossa apreciação sobre o tema.

saudações Marialvas
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

luis pedro
Mestre de Equitação
Mensagens: 1146
Registado: domingo mar 19, 2006 8:16 am

#12 Mensagem por luis pedro » sábado ago 25, 2007 5:10 pm

Olá,

Todos gostamos muito dos cavalos mas quando queremos contrariar o curso natural das coisas (esse cavalo, se entregue a si próprio, no seu habitat tornar-se-ia a primeira presa dos predadores) podemos estar a agir exactamente ao contrário daquilo a que nos propomos.

luis pedro

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

.

#13 Mensagem por João dee Deus » domingo ago 26, 2007 5:57 am

Os predadores ainda existem.

Esta égua que aqui nasceu,nos primeiros dias de vida,foi defendida pela mãe por varias vezes de ataques de cães das ovelhas dos meus vizinhos.

Conto estas coisas para que o conhecimento da realidade dos Cavalos a campo,fique mais ampla mesmo por aqueles que não saem da cidade...HEHEHE

Por vezes não vem bem a proposito ...mas eu aproveito todas....

Se estivesse desse lado gostaria de saber que estas coisas acontecem.
Como quando vou ao campo mais profundo e falo com os velhotes...alguns já do meu tempo....

saudações Marialvas :wink:
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

Rogers
Monitor de Equitação
Mensagens: 441
Registado: sexta jun 23, 2006 5:28 am
Localização: Inglaterra
Contacto:

#14 Mensagem por Rogers » domingo ago 26, 2007 6:28 am

Pode contactar a emergosol, eles têm vários cavalos lá reformados. Pode o cavalo estar a campo ou em boxe ou misto e terá todos os cuidados necessários a um cavalo nessa situação, incluindo muitos mimos; mas não será de borla, alguém terá que pagar o penso.
Está aqui o site: www.emergosol.com
A minha opinião é que a partir do momento k o cavalo está feliz este n deve ser abatido. E isso dá para ver na sua espressão corporal.
Nunca desistir, por muito dificil que seja que um dia...havemos de vencer!

Responder

Voltar para “Diversos”