Fim de linha........

Esta secção é para todos os temas que não estejam incluidos nas outras secções

Moderador: Filipe Graciosa

Responder
Mensagem
Autor
MMateus
Ajudante de Monitor de Equitação
Mensagens: 76
Registado: segunda mai 09, 2005 2:38 pm
Localização: Évora

Fim de linha........

#1 Mensagem por MMateus » quarta set 19, 2007 10:12 pm

Boas a todos

ontem foi um dia estranho, chegado ao picadeiro do centro equestre que frequento vejo que os animais que têm estado parados (por idade ou problema de saúde) estavam separados dos restantes. Nada de muito estranho, uma vez que estiveram a campo nas últimas semanas e agora podia ser opção voltarem a ser estabulados.

Sou depois informado que foi dada instrução para que fossem aparcados para posterior carregamento para o matadouro... e, como imaginam, é difícil estar dentro de um picadeiro a ver os um grupo de cavalos com quem partilhei várias horas dentro do picadeiro estarem à espera do camião do matadouro.

A questão do fim de linha é e tem de ser ponderada pelos responsáveis, e apesar de não concordar com a opção, pois considero que existiam condições objectivas para os animais se manterem a campo, e estamos a falar de animais com 21 e 22 anos que muito serviram o centro equestre, aceito a opção tomada.

Talvez não aceite muito bem, aceitava mais facilmente que fossem simplesmente abatidos. Existe um dever para com os animais que nos serviram durante tantos anos.

Ao mesmo tempo, se fosse eu a decidir o que fazia?? se a responsabilidade fosse minha?? Estamos a falar de cinco cavalos nas mesmas condições........ aqui fica a pergunta para quem tem cavalos.......

só um esclarecimento, se um deste animais estivesse em sofrimento não questionaria nunca o seu abate.


Abraços

MMateus

espero que o centro hoje não me pareça vazio

Avatar do Utilizador
J.Afonso
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 121
Registado: quinta dez 30, 2004 5:09 pm
Localização: Faro/Beja

#2 Mensagem por J.Afonso » quarta set 19, 2007 11:08 pm

Fonix.....
Será que não haveria alguém a quem dar esses animais para que pudessem passar o seus últimos dias (anos) de vida em liberdade?

Ainda há pessoas que gostam de admirar um cavalo em liberdade e teriam prazer em o ver nos campos junto a casa!

E não venham argumentar quanto a despesas, porque ganharam decerto dinheiro com eles durante o seu tempo útil no centro hipico. Vão ganhar o quê? Vinte contos por cada cavalo?

Se tiverem problemas de saúde que os coloquem em sofrimento....eu entendo o abate, mas para um talho?????? :shock:
Parece que o Sócrates tem razão.....tudo tem a ver com o custo!
Que se lixe o respeito por quem tanto nos deu......
Tenho dito!

Afonso

horses_s
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 207
Registado: sexta set 29, 2006 6:17 pm
Localização: Leça da Palmeira - Porto

#3 Mensagem por horses_s » quarta set 19, 2007 11:38 pm

É nestas ocasiões que nos pomos a pensar o que realmente valem estes animais para cada um de nós...

A maioria das pessoas que trabalha com eles apenas o faz por TRABALHO e mais nada!!!

Passo aqui a contar um caso de uma amiga que tem um cavalo com 12 anos. Não é velho com certeza, mas devido a um acidente de viação anda por vezes mal do dorso e precisa de infiltrações. Muitas pessoas "do meio" a têm criticado por manter o seu bom e fiel amigo vivo. Ao que ela responde que se a serviu bem enquanto pode, não é agora que, por estar
às vezes menos bem, o vai "deitar fora".

A verdade é que esta minha amiga mantém este cavalo e prescinde de ter outro "melhor" porque financeiramente só pode manter um.

Mas quantas são as pessoas por esse mundo fora que tomam esta atitude?!

Quantas são as que pensam primeiro com o "coração" e não com a "bolsa"?

Infelizmente é o mundo que temos. :cry: :cry: :cry:

No entanto é ainda preferível mandá-los para o matadouro do que os fazer sofrer, não lhes dando condições de vida minimamente aceitáveis.

Pelo menos que vivam todos eles sem sofrimento e quando "a hora" chegar que seja bem curtinha. :cry: :cry:

Saudações

Susana
Tudo é possível até se provar que é impossível e mesmo o impossível pode ser só por agora.

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

.

#4 Mensagem por João dee Deus » quinta set 20, 2007 5:20 am

Nuca passei por uma situação dessas,mas de certeza que não deixaria que se juntassem tantos cavalos para terem o mesmo fim,ao mesmo tempo....isto por defesa propria na observação desse espectaculo.

Acho que preferia dar-lhes uma injecção e enterra-los eu mesmo.

Seria mais digno....penso.

saudações Marialvas
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

Avatar do Utilizador
anasabreu
Sela 04 (estribo de bronze)
Mensagens: 65
Registado: quinta mar 23, 2006 9:25 pm
Localização: Santarém - Várzea
Contacto:

#5 Mensagem por anasabreu » sábado set 22, 2007 6:01 am

O meus 2 meninos vieram parar ao sitio certo, mas não deixei de ouvir muitas criticas!
Recebi os meus 2 cavalos em minha casa reformados mesmo sabendo que eles vão partir mais cedo do que um cavalo jovem, mas sei também que se não fosse assim eu não ia ter possibilidade de comprar. Eles estão muito bem tratados... vivem a campo e além de estar com eles todos os dias de manhã e ao fim do dia podemos ir passear sempre que quisermos porque eles também agradecem, mesmo que já não estejam em forma para o trabalho diário!

Tal como eu, tenho a certeza que muitas pessoas gostariam de ter a possibilidade de ter um cavalo nem que fosse para um passeio ou outro! Porque ter um cavalo não significa competir obrigatoriamente.
Tenho imensa pena que no nosso país as coisas não sejam como noutros países em que os animais merecem muito, mas muito mais respeito!!! Mas penso que a tendencia seja para melhorar... felizmente.
Ana Sofia Abreu

omega2
Ajudante de Monitor de Equitação
Mensagens: 82
Registado: sexta jan 30, 2004 9:30 pm
Localização: Entroncamento

...

#6 Mensagem por omega2 » sábado set 22, 2007 6:25 am

essa situação faz me lembrar quando por vezes chego ao canil municipal aqui do Entroncamento (sou uma das poucas pessoas que tem autorização para lá entrar, além do pessoal que trabalha no canil) onde faço qualquer coisa parecida com voluntariado, ou seja, tento arranjar donos para os cães que lá estão, e vejo que é dia de abate. O veterinário (que diga-se de passagem, é uma grande besta!!) não tem critérios de escolha para os animais que vai abater. vai escolhendo ao calhas e pronto. Imaginem o que é estar lá e ver em carrinhos de mão cães que ainda a semana anterior estava a brincar com eles e a tratar deles.

a mesma coisa deve ter acontecido nesse centro! partilhamos tantas coisas com certos cavalos que é quase insuportável vê-los partir!!

nunca na minha vida eu abateria um cavalo, só pelo facto de estar velho!! prefiro mantê-los a campo e vê-los envelhecer aos poucos...
eles correm como o vento e teem a nobreza nas veias***

Rogers
Monitor de Equitação
Mensagens: 441
Registado: sexta jun 23, 2006 5:28 am
Localização: Inglaterra
Contacto:

#7 Mensagem por Rogers » domingo set 23, 2007 3:45 am

Agora uma história feliz para levantar o animo!

Eu trabalho numa coudelaria.
Aqui oa cavalos quando chega a hora da reforma, são reformados. Sejam esses cavalos éguas de ventre, garanhões de cobrição, cavalos de passeio ou algum cavalo que tenha problemas de saúde que o leve á reforma. tudo o que seja inteiro fica numa boxe e passa umas horas por dia na pastagem. Tudo o resto vai para o campo e vive feliz até ao dia que morre ou que esteija em sofrimento(e n tenha cura), aí chamo o veterinário e é abatido e interrado aqui na herdade onde prestou um bom serviço.

Um destes cavalos é o meu cavalo pessoal, tem 15 anos, (reforma devido a lesão) e n posso ter mais nenhum cavalo pessoal devido a isto. É inteiro portanto está numa boxe e vai para o campo todos os dias. Não lhe falta nada, a ele nem aos outros.

E os custos de manutenção para estes cavalos sao minimos e são desparazitados e os cascos são aparados com regularidade.

Nem tudo é mau neste país!
Nunca desistir, por muito dificil que seja que um dia...havemos de vencer!

AnaE
Mestre de Equitação
Mensagens: 1051
Registado: terça jun 08, 2004 8:10 pm

#8 Mensagem por AnaE » domingo set 23, 2007 4:34 am

Ainda bem que há locais assim! Sempre houveram mas geralmente são os maus exemplos que chegam a público.

Coudelarias e Centro Hipicos que promovem boas práticas no tratamento dos animais deviam ser bem anunciados para que na hora da escolha dos estabelecimentos esses factores também serem ponderados! :D

Miguel Santos
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 179
Registado: sexta jun 09, 2006 3:47 am
Localização: Leça da Palmeira / Porto

#9 Mensagem por Miguel Santos » domingo set 23, 2007 6:39 am

Caríssim@s,

São notícias deste nestes moldes que me causam alguma perplexidade pela falta de... deixem-me encontrar uma palavra politicamente correcta... ética profissional e (até) social! Lamentável a atitude dos responsáveis desse Centro Hípico, ou da escola desse Centro Hípico.

Mas os alunos não questionaram os motivos dessa decisão?

Não podería estar mais de acordo com a nossa amiga Ana. Sempre fui apologista da identificação dos CH em prol verdade. E estando a verdade directamente associada a factos ou acções relacionadas com bons princípios e prácticas sejam elas pedagogicas ou não, os CH em causa de certo não se importarão da referência - os outros (que sem dúvida alguma também devem ser divulgados) têm uma boa solução - mudar a forma de pensar e sobretudo de agir! :wink:

Acho no mínimo lamentável que os cavalos que durante uma vida acompanharam os primeiros passos, foram professores e companheiros de muitas horas de prazer e aprendizagem, sejam pura e simplesmente vendidos para abate, sem qualquer espécie de dignidade, reconhecimento, respeito nem agradecimento. Confesso que este tipo de gestão - encarando o cavalo apenas como meio de ganhar dinheiro, me faz muita confusão, contudo chego cada vez mais à conclusão que estes exemplos são exponencialmente frequentes.

Caso fosse profissional ou tivesse a meu cargo a gestão de um CH, jamais tería coragem de ordenar a venda dos cavalos para abate num matadouro! Certamente que não sería dificil encontrar alguém disponível para acolher os cavalos com o intuíto de lhes proporcinar o resto de vida digna, isto partindo do principio que o CH em causa não tem quaisquer tipo de condições para manter os cavalos "reformados". Não estamos a falar de casos de doença crónica terminal - se assim fosse sem dúvida que concordaría com o abate (devidamente praticado pelo veterinário habitual).

Ao centro hípico (Equivau) onde monto e onde tenho o meu cavalinho, chegam com muita frequência cavalos vítimas deste tipo de "atentados".
Considero estes acolhimentos inequivocamente actos de pura caridade e que não dão lucro nenhum aos donos do CH (muito pelo contrário).
Recordo-me especialmente (certamente que a Susana também se recordará) de uns cavalinhos que chegaram lá há cerca de uns 2/3 meses num estado horrível - um deles chegou a morrer à fome no centro hípico onde estavam e os outros não conseguiam andar mais de meia dúzia de metros.

Desculpem-me a sinceridade mas não posso evitar - nestes casos onde estão os activistas (sublinho que referi activistas) defensores dos animais? Talvez estes casos não lhes dêm tanto protagonismo nem publicidade gratuíta... digo eu...
Mais do que uma realidade mágica, uma Paixão! Viva o Cavalo dos Reis! Viva o nosso LUSITANO!

horses_s
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 207
Registado: sexta set 29, 2006 6:17 pm
Localização: Leça da Palmeira - Porto

#10 Mensagem por horses_s » segunda set 24, 2007 5:15 pm

Olá Miguel,

Recordo-me perfeitamente desses cavalos que mencionas. Foi dos casos mais graves "em quantidade" que por ali vi passar. Eram tantos e ao mesmo tempo que até "doía a alma".

No entanto lembro-me também de outros que por lá passaram, um agora e outros depois, que foram casos lamentáveis. Alguns deles cavalos de prémio e com "provas dadas" que "deixaram de interessar" ao dono.

E por mais que pensemos que a tendência é melhorar...(a esperança é a última a morrer), talvez a "carruagem siga parada"!!!

:cry:
Tudo é possível até se provar que é impossível e mesmo o impossível pode ser só por agora.

Responder

Voltar para “Diversos”