Cavalos e atrelados de transporte

Fórum do Tema

Moderador: Filipe Graciosa

Responder
Mensagem
Autor
Avatar do Utilizador
PSantos
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 117
Registado: sexta nov 19, 2004 8:52 pm
Localização: S. João da Madeira

Cavalos e atrelados de transporte

#1 Mensagem por PSantos » quinta jun 02, 2005 3:18 pm

Olá a todos!
Tenho um problema com o meu cavalo em relação aos atrelados. Por aquilo que sei o antigo proprietário nunca colocou o cavalo num atrelado até ao dia em que o teve de o transportar ate minha casa. Segundo o que sei ele viu-se aflito para ele entrar mas lá consegui.

Já o tentei colocar num atrelado mas ele não quer por isso gostaria de saber a vossa opinião sobre este caso. A minha ideia é comprar um atrelado e começar a colocar lá a comida para ele se ir habituando, começando a colocar a comida na rampa e depois cada vez mais para dentro. É assim que devo fazer ou existem outros métodos?
Desde já obrigado,
Pedro Santos

Avatar do Utilizador
MARIA ANTÓNIA SERRA
Sela 01
Mensagens: 28
Registado: terça jun 08, 2004 3:53 pm
Localização: Alentejo Litoral

#2 Mensagem por MARIA ANTÓNIA SERRA » quinta jun 02, 2005 7:52 pm

Boa tarde,

Eu já usei esse método e resultou. Se tiver um paddock pode colocar lá o atrelado, colocar a comida e deixar o cavalo explorar sozinho, abrindo as duas rampas.

É a minha experiência.
Antónia Serra

omega2
Ajudante de Monitor de Equitação
Mensagens: 82
Registado: sexta jan 30, 2004 9:30 pm
Localização: Entroncamento

´...

#3 Mensagem por omega2 » quinta jun 02, 2005 9:58 pm

ola.
sei bem o que é ter um cavalo que se recusa a entrar no transporte. a minha egua tinha um medo de morte de entrar num atrelado!!!
ha varios metodos para incentivar e encorajar um cavalo a entrar no atrelado. colocar comida, abrir a rampa de desembarque, colocar as maos do cavalo na rampa e deixa lo cheirar e ganhar confiança, ter uma pessoa a empurra lo com um chicote (n é para bater nem para tocar no cavalo, simplesmente para o empurrar!).
alem disso ha varios pormenores que convem ter em conta. o cavalo deve seguir a direito para dentro do atrelado. a pessoa que conduz o cavalo deve entrar com confiança e evitar olhar para o cavalo. deve agir como se aquilo fosse uma coisa completamente natural!! atew se deve deixar a corda um pouco folgada para o cavalo nao se sentir preso e nao ter medo. assim k o cavalo entra deve se fechar logo a barra traseira e a seguir entao, prender o cavalo! nunca se prende o cavalo primeiro! pode parecer estupido mas ja vi pessoas que assim k o cavalo entra no transporte tentaram logo prende lo. claro que o cavalo sentiu se preso, puxou para tras e saiu dp de ter rebentado com a corda!
nunca, em caso algum se deve descarregar em cima do cavalo toda a frustração que sentimos por o cavalo n querer entrar! pelo contrario, devemos ser o mais pacientes possivel!!!
no fim de tudo ha sempre uma boa recompensa!!

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

#4 Mensagem por João dee Deus » quinta jun 02, 2005 11:41 pm

Companheiros Tudo o que já foi dito,está certo,no meu entender.

Embarcar um cavalo que não quer,é um teste aos verdadeiros manuseadores de Cavalos.

Vamos então dissecar o Problema.

O Cavalo não tem medo da largura do espaço onde o querem meter,ao contrário do que normalmente se pensa.

Tem medo do barulho (oco e falso) e da solidês da rampa .Ela deve estar bem assente no chão,sem oscilar.

O piso,antes, na rampa e dentro da rolote,deve ser igual.Espalha-se palha com fartura.

Não gosta de ser puxado.

Já vi taper os olhos do Cavalo com uma camisola,e resultou.

Pela minha experiência,não se pode "aviar meia dose".
É complicado de explicar,e faz parte daquilo que o meu Mestre me ensinou a seguir à história dos suspensórios,é que não se deve lidar com um Cavalo,às "pinguinhas",quando se está a teimar com ele.

Logo que,como neste caso,se nota uma teimosia do Cavalo,deve-se actuar com as armas todas que temos ao mesmo tempo.

Ou seja:A primeira tentativa vai a seco.
A segunda vai com uma técnica.
A terceira vai comoputra opinião
A quarta vai com outra novidade,....enfim já lá vão 4 tentativas,o cavalo e as pessoas estão saturadas,e entra-se em "parafuso".

Para mim a segunda tentativa,vai com todas as técnicas conhecidas ao mesmo tempo.(dose completa)

Tem duas vantagens:
A nossa atitude,pela nossa confiança no processo,passa uma imagem de firmeza e convicção ao Cavalo.
Por incrível que pareça eles notam a nossa hesitação.

Quantas vezes,depois de assistir a várias tentativas frustradas,eu pego no Cavalo decididamente,e meto-o lá dentro de seguida sem parar,nem sequer olhar para ele.

As convcções destes bichos têm coisas espectaculares.

saudações



Para o icentivar a andar para a frente,devem duas pessoas,com uma corda de 10 metros,segura pelas pontas,passando-a por cima dos curvilhões do Cavalo,e colocando-se ao lado da espádua do Cavalo,fazer pressão para a frente,roçando a corda nos curvilhões.
Ele tende a "remeter os posteriores"andando para a frente,em direcção à rampa,e vai tão preocupado com a corda que às vezes entra sem se aperceber.
Isto deve ser feito junto à rampa,porque se for longe,quando chegar à rampa já ele está abituado à corda,e passa a preocupar-se com a rampa.

De qualquer modo,isto é "um trabalho de casa",e aí,o método da ração é o melhor.Dia a dia ele vai vencendo os problemas.
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

Avatar do Utilizador
PSantos
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 117
Registado: sexta nov 19, 2004 8:52 pm
Localização: S. João da Madeira

#5 Mensagem por PSantos » sexta jun 03, 2005 3:43 pm

O meu muito obrigado a todos!
De momento ainda não tenho a roulote para fazer o "trabalho de casa" mas ando a ver.
Peço outra opinião:
Para os cavalos é melhor a roulote com rampa frontal ou é indiferente? No vosso caso qual preferem?

Saudações
Pedro Santos

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

Atrelado

#6 Mensagem por João dee Deus » sexta jun 03, 2005 4:09 pm

Santos

As últimas que vi,eram do estilo "Americano",foi o que me disseram.

Não tinha aquela porta pesada e basculante,e em vêz disso,usava duas meias portas verticais,como uma carrinha normal.
Depois de abertas,saía debaixo do piso,uma plataforma que depois de toda tirada,servia de rampa.

No outro sistema,o antigo,a rampa torna-se pesadíssima.

Se fores comprar em 2ª mão,toma em atenção os travões,a lança e a suspensão.
Repara na altura entre a parte de cima dos pneus e o guarda lamas.Tem de ser igual dos dois lados.Isto dá uma idéia do estado das molas.

Por vezes,por estarem muito tempo paradas ao sol,os pneus ficam gretados de lado,e podem rebentar.

Há quem esteja a mandá-las vir da Holanda e Alemanha,e é o que penso fazer se não for para a alternativa do Furgon.

Já disse aqui que esteve aqui na quinta um Espanhol com um Furgon adaptado que levava três Cavalos.Não tive tempo para tirar pormenores,mas fiquei com uma idéia.

Felicidades
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

fmvnunes
Sela 04 (estribo de bronze)
Mensagens: 72
Registado: quarta mar 03, 2004 2:37 pm
Localização: Roda Grande-Tomar

#7 Mensagem por fmvnunes » sábado jun 04, 2005 12:22 am

Srº Santos


Como o Srº João explicou nos post's anteriores, o método da corda passada pelas pernas dos cavalos dá um bom resultado.

Eu utilizei-o à pouco tempo para transportar uma poldra com 2 anos e foi precisamente esse método que utilizei até foi o Srº João que me o ensinou, e ainda utilizei o chicote apenas para ela saber que tinha algo a trás para não recuar. Funcionou às mil maravilhas mas cuidado não puxem muito a corda por trás das pernas senão ela pode acabar por se sentar, era o que me ia acontecendo.

Também foi a 1º vez que ela entrou para dentro de um atrelado.


Cumprimentos
Filipe Nunes

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

.

#8 Mensagem por João dee Deus » sábado jun 04, 2005 12:34 am

Filipe


Como deves calcular,fico "realizado" quando as coisas que aqui digo,resultam.

Mas tens todo o mérito em teres habilidade e sensibilidade em o teres conseguido,porque não é líquido que seja tão simples para qualquer um.

Repara que já adiantas-te alguma coisa ao que te ensinei:
Dises-te:Cuidado não puxem muito a corda......etc.

"Mestre é aquele acrescenta algo o que aprendeu".

Assim vamos melhorando o conhecimento.

Saudações
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

Avatar do Utilizador
PSantos
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 117
Registado: sexta nov 19, 2004 8:52 pm
Localização: S. João da Madeira

#9 Mensagem por PSantos » sábado jun 04, 2005 5:17 pm

Olá!
Eu também estou a pensar comprar uma carrinha tipo iveco de caixa alta, colocar madeira por dentro para forrar e depois adaptar a rampa. Essa ideia da rampa por baixo é muito boa. Quando tiver mais alguma novidade vou dizendo.
Obrigado Srº Filipe pela ajuda. Quando tiver a carrinha ou o atrelado vou experimentar e depois digo como correu.
Mais uma vez obrigado.
Pedro Santos

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

Carrinha

#10 Mensagem por João dee Deus » sábado jun 04, 2005 9:50 pm

Santos


Quando tiveres preços e o modelo,põe aqui.

Saudações
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

Avatar do Utilizador
PSantos
Sela 07 (estribo de prata)
Mensagens: 117
Registado: sexta nov 19, 2004 8:52 pm
Localização: S. João da Madeira

#11 Mensagem por PSantos » terça jun 14, 2005 9:12 am

Olá a todos!

João se pensares comprar a carrinha, agora existe uma nova lei que diz que todas as carrinhas que forem alteradas tem que ter um projecto, realizado por um eng. mecanico, para depois ser entregue à DGV. Todas as carrinhas que não tenham o projecto, mesmo as mais antigas, vão ter que o fazer. Depois a DGV ainda vai dar uma serie de papeladas e depois tem de ir a uma inspecção especial.
Isto tudo para avisar quem esteja a pensar comprar uma carrinha e alterar vai ter que colocar mais algum dinheiro para estas coisas.

Um abraço
Pedro Santos

Avatar do Utilizador
João dee Deus
Mestre de Equitação
Mensagens: 2845
Registado: quarta fev 16, 2005 12:49 am
Localização: Covilhã./.AÇORES

Carrinha

#12 Mensagem por João dee Deus » terça jun 14, 2005 11:35 am

Santos

Estáva-se mesmo a ver que isso ia acontecer.Já eram muitas a circular.

As Carrinhas têm o inconveniente das despezas com o seguro,inspecções,e selo.

Têm a vantagem de não precisar de carta de atrelados,fazem viagens mais rápidas e seguras,e podemos continuar com o nosso "carrinho".

Vou tentar saber como é em Espanha.Agora temos de jogar com esta possibilidade.É uma pena, mas somos empurrados para isso.

Saudações
Continuo neste Fórum, agora com a intenção de ver se aprendo alguma coisa, mas com o teclado avariado... LOL...

Castro81
Mensagens: 3
Registado: sábado nov 17, 2018 12:28 am

Re: Cavalos e atrelados de transporte

#13 Mensagem por Castro81 » quarta nov 21, 2018 12:12 am

Olá a todos.
Queria-vos pedir uma pequena ajuda.
Todos nós sabemos a fortuna que gastamos anualmente em material equestre para os nossos cavalos e para nós próprios enquanto cavaleiros. Cá em Portugal infelizmente a equitação é um desporto considerado de elites.
Com base nisto estou a pensar criar uma empresa de reparações e alterações a medida e gosto dos clientes e a preços acessiveis (e justos) .
Que acham da

Responder

Voltar para “Transporte”